Leituras interessantes

Nunca fui grande leitor… Sim, sempre li bastante… jornais, revistas, sites de internet… Mas sempre foi uma leitura mais por conveniência, por necessidade. Afinal, preciso estar atualizado.

Posted by Hµ63Z on

Nunca fui grande leitor… Sim, sempre li bastante… jornais, revistas, sites de internet… Mas sempre foi uma leitura mais por conveniência, por necessidade. Afinal, preciso estar atualizado.

A alguns anos atrás lí o livro O Tempo e o Vento, O Continente, de Érico Veríssimo, pois precisava lêlo para o vestibular (novamente uma leitura por conveniência). No entanto, a leitura foi tão impressionante que fiquei viciado. No entanto, não é qualquer livro que me mantêm lendo-o.

Recentemente tenho lido livros muito bons, em sua maioria norte-americanos, traduzidos (sim, tenho preguiça de ler um livro em inglês). Os estilos que mais tenho gostado são livros policiais (estou a fim de ler o Xangô... do Jô Soares) e de tribunais (mesmo sabendo que tribunais norte-americanos são muito diferentes dos nossos).

Alguns exemplos que posso dar de livros que lí, adorei e releria são: O vingador (“The Avanger” – Frederick Forsyth – Tomas Dunne Books), Sanidade Temporária (“Temporary Sanity” – Rose Connors – Scribner) e O Incendiário (“Beyond Recognition” – Ridley Pearson – Hyperion). São histórias muito bem contadas e muito ricas em detalhes.

Ainda no mesmo estilo policial, mas muito diferente é o livro que atualmente estou lendo, O Estranho Caso do Cachorro Morto (“The Curious Incident of the Dog in the Night-Time” – Mark Haddon – Doubleday), onde o autor escreve a história do ponto de vista de um autista (o personagem principal e investigador da trama).

É impressionante… Em certos pontos o livro lhe deixa um tanto tonto com a forma do narrador contar a história (como em uma tentativa de entender o que se passa na mente de um autista). Se você já assistiu ao filme Código para o Inferno (com Bruce Wilis no papel do agente do FBI que tenta salvar uma criança autista) e gostou da trama vai gostar desse livro.


Comentários

  1. Te recomendo ler a saga Duna, do Frank Herbert. Pena que não tenho esses livros para te emprestar. ë uma história de sci-fi mas com fundo político impressionante e depois de lê-lo, tu passa a criar uma certa simpatia com o povo árabe e da um enorme valor para a “umidade”.

Comente

Digite seu comentário abaixo. Os campos marcados * são necessários. Você deve visualizar o seu comentário antes de finalizar a postagem.

    



Comentários

  1. Te recomendo ler a saga Duna, do Frank Herbert. Pena que não tenho esses livros para te emprestar. ë uma história de sci-fi mas com fundo político impressionante e depois de lê-lo, tu passa a criar uma certa simpatia com o povo árabe e da um enorme valor para a “umidade”.

Comente

Digite seu comentário abaixo. Os campos marcados * são necessários. Você deve visualizar o seu comentário antes de finalizar a postagem.

    




Comentários

  1. Te recomendo ler a saga Duna, do Frank Herbert. Pena que não tenho esses livros para te emprestar. ë uma história de sci-fi mas com fundo político impressionante e depois de lê-lo, tu passa a criar uma certa simpatia com o povo árabe e da um enorme valor para a “umidade”.

Comente

Digite seu comentário abaixo. Os campos marcados * são necessários. Você deve visualizar o seu comentário antes de finalizar a postagem.